Non…Je Ne Regrette Rien

Non...Je Ne Regrette Rien

Non… rien de rien…
Non… je ne regrette rien
Ni le bien qu’on ma fait,
Ni le mal – tout ça m’est bien égal!

Non… rien de rien…
Non… je ne regrette rien
C’est payé, balayé, oublié,
Je me fous du passé!

Avec mes souvenirs
J’ai allumé le feu,
Mes chagrins, mes plaisirs,
Je n’ai plus besoin d’eux!

Balayé les amours
Avec leurs trémolos
Balayés pour toujours
Je repars à zéro…

Non… rien de rien…
Non… je ne regrette rien
Ni le bien qu’on ma fait,
Ni le mal – tout ça m’est bien égal!

Non… rien de rien…
Non… je ne regrette rien
Car ma vie, car mes joies,
Aujourd’hui, ça commence avec toi!

Anúncios

VOCE

Você que tanto tempo faz   Você que eu não conheço mais   Você que um dia eu amei demais   Você que ontem me sufocou   De amor e de felicidade   Hoje me sufoca de saudade

Você que já não diz pra mim   As coisas que eu preciso ouvir…

Imagem  Você que eu tento me enganar   Dizendo que tudo passou   Na realidade aqui em mim você ficou

Você que eu não encontro mais   Os beijos que já não lhe dou   Fui tanto pra você e hoje nada sou

Você que eu tento me enganar   Dizendo que tudo passou   Na realidade aqui em mim você ficou

Você que eu não encontro mais   Os beijos que já não lhe dou   Fui tanto pra você e hoje nada sou

Desses Tantos Modos

Essa não é mais uma carta de amor
São pensamentos soltos
Traduzidos em palavras
Prá que você possa entender
O que eu também não entendo…

Amar não é ter que ter
Sempre certeza
É aceitar que ninguém
É perfeito prá ninguém
É poder ser você mesmo
E não precisar fingir
É tentar esquecer
E não conseguir fugir, fugir…

Já pensei em te largar
Já olhei tantas vezes pro lado
Mas quando penso em alguém
É por você que fecho os olhos
Sei que nunca fui perfeito
Mas com você eu posso ser
Até eu mesmo
Que você vai entender…

Posso brincar de descobrir
Desenho em nuvens
Posso contar meus pesadelos
E até minhas coisas fúteis
Posso tirar a tua roupa
Posso fazer o que eu quiser
Posso perder o juízo
Mas com você
Eu tô tranquilo, tranquilo…

Agora o que vamos fazer
Eu também não sei
Afinal, será que amar
É mesmo tudo?
Se isso não é amor
O que mais pode ser?
Tô aprendendo também…