VOCE

Você que tanto tempo faz   Você que eu não conheço mais   Você que um dia eu amei demais   Você que ontem me sufocou   De amor e de felicidade   Hoje me sufoca de saudade

Você que já não diz pra mim   As coisas que eu preciso ouvir…

Imagem  Você que eu tento me enganar   Dizendo que tudo passou   Na realidade aqui em mim você ficou

Você que eu não encontro mais   Os beijos que já não lhe dou   Fui tanto pra você e hoje nada sou

Você que eu tento me enganar   Dizendo que tudo passou   Na realidade aqui em mim você ficou

Você que eu não encontro mais   Os beijos que já não lhe dou   Fui tanto pra você e hoje nada sou

Comprem,Comprem,Comprem…

EU QUERIA DIZER TANTA COISA, MAS QUE NÃO FOSSE ESSE MONOLOGO SILENCIOSO, SEM OPOSIÇÃO E CONTESTAÇÃO.

ESTOU NUMA FILA DE CAIXA RÁPIDO DO SUPERCADO, ONDE TEM UM CORREDOR IMENSO CHEIO DE COISAS QUE VÃO DESDE APARELHO DE BARBEAR AO ULTIMO LANÇAMENTO DO ESCRITOR DE CAÇADOR DE PIPAS, VEJO UMAS 30 PESSOAS NA MINHA FRENTE E AO FINAL UMA PLAQUINHA QUE DIZ:  SE VOCE NÃO FOI ATENDIDO EM 5 MINUTOS APERTE AQUI, FIQUEI OBSERVANDO PARA VER SE ALGUÉM APERTAVA, SEGURAMENTE TODOS ALI TINHAM ESPERADO AO MENOS 15 MINUTOS, BEM LOCALIZADOS ACIMA UMA TELA IMENSA DE LCD A MOSTRAR UMA MULHER  APRESENTAR  PRODUTOS ELETROS ELETRÔNICOS DO SETOR DA LOJA, ESTAVAEM SILENCIO O LCD, DE SOM TINHA APENAS O BARULHO INSISTENTE DAS CAMPANHIAS A INDICAR OS CAIXAS VAGOS, PENSEI PORQUE AS PESSOAS NÃO APERTAVAM A CAMPANHIA?  TALVEZ FOSSE POR PIEDADE DOS OPERADORES DE CAIXA, PENSEI NA PRESSÃO COM QUE ELES TRABALHAVAM  ININTERRUPTAMENTE DURANTE SEUS TURNOS A ATENDER AQUELE FLUXO CONTINUO DE GENTE  ALUCINADAS POR COMPRAR;

PENSEI NO QUE FOI QUE O CAPITALISMO SELVAGEM NOS TRANSFORMOU.

AQUELE CORREDOR IMENSO CHEIO DE COISAS PARA ALGO MAIS DE ULTIMA HORA, EM VOLTA AO CAIXA MAIS UMA VARIEDADE DE COISAS, ME CHAMOU ATENCAO A PILHA DE BALDINHOS DE LIMPEZA COLORIDOS A DISPUTAR ESPAÇO COM OS CLIENTES AO LADO DE CADA CAIXA, POR DONDE QUER QUE SE OLHE VEJO SOMENTE O APELO:

-COMPREM,COMPREM,COMPREM…

Quero me Vestir de Purpura

Quando eu ficar velha
quero usar roupas de cor púrpura.
Quero pegar muitos lápis em hotéis,
e bloquinhos,
fazer coleções de caixas vazias, e de coisas inúteis.
Quero poder comer salame durante uma semana inteira,
quero sacudir meu guarda-chuva para pessoas mais jovens,
e eles permitirão isto, dizendo que é coisa de gente gagá.
Então, vou me sentar no meio-fio,
vou me comportar de maneira absolutamente escandalosa,
e mais uma vez isto me será permitido,
porque os velhos podem agir como crianças.
Vou usar estranhos chapéus,
que sempre quis usar, mas nunca ative coragem.
Entretanto, é melhor começar a fazer isto a partir de hoje.
Desta maneira,
minha família não ficará escandalizada quando,
mais velha,
eu de repente começar a me vestir de cor púrpura.

FACIL É SER NORMAL

 

 

OUTRO DIA SENTADA NO METRO EM MADRID, NA MINHA PELEGRINAÇAO DIARIA ATE MEU  TRABALHO, COMO SEMPRE HAVIDA DE OBSERVAR PESSOAS, OLHO A CADA UMA E JOGO DE ADIVINHAR , QUAL SERIA O NOME ?, PARA ONDE ESTARIA INDO?QUE PASSA EM SEUS PENSAMENTOS? MESMOS OS QUE ESTAO FIXOS EM SEUS LIVROS ME PERGUNTO SOBRE O QUE SERIA A LEITURA, Y VOU MAIS ALEM , ME PERGUNTO COMO SERIA SUA CASA COMO TERIA FICADO SEU QUARTO PENSANDO NO MEU QUARTINHO QUE SEMPRE FICA UMA BAGUNÇA GENERALIZADA, ENTRE ESSE MEU VOYARISMO TONTO EM UMA PARADA ENTRA UMA CRIATURA QUA A PRIMEIRA VISTA NAO ERA POSSIVEL DINTINGUIR QUAL SEXO, A PRINCIPIO PARECE UMA MULHER , IMPOSSIVEL DE IMAGINAR A IDADE, ESTAVA VESTIDA COM UM VESTIDO JUSTO DE JEANS COM OS BRAÇOS DE FORA TINHA  MEIAS CALCAS DE LISTA COLORIDAS ENFIADA NUMA BOTINHA SURRADA , UMA BOLSA TIRACOLO IMUNDA DE NAPA COR CREME, DEIXAVA VER SEUS BRAÇOS QUASE TODO TATUADOS E ONDE NAO ESTAVA TATUADO ESTADA DESTROÇADO PELAS PICADAS DE DROGA , ME PERGUNTEI QUAL DROGA SERIA?

TINHA AS MAOS  TORTAS E HORRIVEIS , ESTAVA CABISBAIXA E EU TENTEI MIRAR SUA FACE , NUM MOMENTO FOI POSSIVEL VER OS OLHOS VAZIOS NA FACE MACILENTA DE TONALIDADE ESTRANHA, DIANTE DESSA VISAO ME VEIO O PENSAMENTO QUE FACIL É SER NORMAL, OLHEI TANTAS PESSOAS APARENTEMENTE NORMAL A NOSSA VOLTA E SOMENTE AQUELA CRIATURA ESTRANHA , CORAJOSAMENTE ESTRANHA.

É PRECISO MUITA CORAJEM PARA CHEGAR A ESSE PONTO, ESSA ENTREGA AOS RISCOS DA VIDA, PARA ENFRENTAR AS COISAS DANOSAS DA VIDA Y NAO TER VERGONHA DE SE ESCONDER

PENSO EM TANTOS OUTROS QUE TEM ESSA CORAJEM DE ASSUMIR TODOS OS RISCOS E SE ENTREGAM TOTALMENTE AOS SEUS PRAZERES, POR ISSO CHEGO A CONCLUSAO QUE FACIL É SER NORMAL E DIFICIL E TER CORAGEM PARA VIVER E SE ENTREGAR A CONTRA MAO DA VIDA!